Home » » Kill All The Secrets - Capítulo 1.13 - "The Bitch You Already Know"

Kill All The Secrets - Capítulo 1.13 - "The Bitch You Already Know"



Nome: Kill All The Secrets (Mate Todos Os Segredos).

Número de Temporadas: 3.

Capítulo: 1.13 - "The Bitch You Already Know" ( A Vadia Que Você Já Conhece ).

Classificação : 18+ - Contem cenas de violência,mortes,sexo,insinuações...

Gênero : Drama,Comédia,Mistério

Autora: Laura.

Personagens: Ashley (Principal) Brittany (Principal) Nickole (Principal) Lavínia (Vilã) Molly (Coadjuvante) Henri (Principal) Jensen (Principal ) Jared (Principal) Ben (Secundário) Chad (Coadjuvante) Lilly (Secundário) Cecy (Secundário) Rene (Secundário)....

Sinopse: O que acontece quando uma manipuladora resolve fazer da vida de 3 garotas um Inferno? Ashley (Ash), Brittany (Bri) e Nickole (Nick),poderiam ser o tipo de adolescentes normais,se não fosse por Lavínia (Lav),que faz de tudo para arruinar a vida dessas 3 garotas.O motivo de tanto ódio? Ninguém sabe.Mas Ash,Bri e Nick são tão inocentes assim? Ash talvez tenha tomado uma difícil decisão e acabou se apaixonando pelo seu professor.Estaria Nick Prestes a conhecer o amor da sua vida? E Bri? O que o futuro a reserva? É melhor você ler para matar todos os segredos que " Kill All The Secrets" te reserva...Poderia o amor aparecer no meio de tanta maldade? Poderia esse ambiente ser saudável para Jensen e Jared viverem uma vida tranquila?

Considerações: Quando tiver o player nas cenas serão as músicas das cenas,acho que não tem necessidade de ficar colocando toda hora "música da cena",mas como este é o primeiro capítulo tudo Ok.Ainda Sobre as músicas,quando uma cena não tiver música,aproveite a música da cena passada (Até a cena que tiver um novo player),por que eu escolho as músicas pensando nisso.
Onde estiver Look (Exemplo,Look Ashley,Look Das garotas),vocês podem clicar para visualizarem a roupa dos personagens.E quando estiver Casa da Ashley,carro,escola,podem clicar para visualizarem o local onde a cena ocorreu !!!!

Considerações Iniciais Do Capitulo: A pedido de algumas, irei fazer a experiencia de postar aqui, se não houver problema algum, continuarei postando a Fic aqui.









- Alo? Ash atendia seu celular que estava em cima da penteadeira.
- Err, bom dia. Você disse que eu poderia ligar...
- Bom dia Jensen. Ash se sentava na cama, e abria um sorriso. - Achei que você não fosse ligar.
- Fiquei ocupado com durante esses 2 dias. - Fiz mal em ligar? Dizia em um certo tom de nervosismo,olhando para a rua da janela de seu quarto.
- Não. Gargalhava.
- Bom, na verdade eu estava decidindo se ligava ou não.
- Porque?
- Se você estivesse dormindo,Não iria querer acordar você.
- Awww, que fofo. Mas eu já estou acordada, e de saída.
- Eu queria te ver...
- Vou tomar café no Grill com minhas amigas, se você quiser aparecer por lá.
- Ok,Já estou indo.
- Vou desligar, tem uma chamada em espera. Se levantava da cama, dando uma olhada no espelho.
- Ash, nós já estamos aqui, você não vem?
- Bom dia para você também Nick, eu dormi bem, se lhe interessa saber. Gargalhava.
- Haha, engraçadinha.
- Já estou indo, chego ai em 15 minutos.
- Ok, já vamos fazer o pedido, posso pedir o de sempre?
- Pode sim. Bye. Desligava o telefone. - E ele ligou. Ash sorria em frente ao espelho. - Eu vou arriscar, não tenho nada a perder, além do mais, ele é todo gentil, fofo, tímido. Passava Gloss. - Perfeito. Saía do quarto jogando seus cabelos.

....

- Karl, minha querida, fico feliz por aceitar seu emprego de volta. Lav descia as escadas destilando seu veneno. Cuidado para não morder a língua.
- Bom, o salário que a Senhora me paga é muito bom. Passava espanador em alguns vasos da sala.
- O que eu posso dizer, eu sou uma pessoa gentil e generosa. Gargalhava parando de frente para o sofá.
- O ser sem cérebro já levantou?
- Não,ainda não deu sinal de vida. - Atendo? Escutava batidas na porta.

- Não, deixa que eu atendo, por que essa é a minha maldita função. A fuzilava com o olhar. - É claro que é para atender sua imprestável, isso é pergunta que se faça?
- Desculpe Senhora. Caminhava até a porta. - Sim, em que posso ajudá-lo. Karl abria a porta.
- Por favor, a Senhorita Vanderbill, diga que é da funerária.
- Dona...
- Já escutei. Interrompia Karl. - Não sou surda. Chegava até a porta. - O que você quer? Olhava de cima a baixo no funcionário. - Trate de falar logo não tenho o dia todo por sua conta.
- Essas são as Cinzas do Senhor Olivier, err... Lia o grau de parentesco no papel.
- Me dá isso daqui. Lav avançava nas mãos do pobre funcionário. - E agora, pode ir sumindo. Gritava. - Não quero ficar olhando pra essa sua cara feia logo de manhã, já não basta das duas que vivem aqui.
- O Atestado de óbito Senhora. Entregava para ela com as mãos tremendo.
- E agora suma da minha frente. Puxava novamente das mãos dele. - E passar mal. Batia a porta.
- Onde você vai colocar isso Senhora? Karl olhava atentamente para Lav.
- Não é da sua conta, vai procurar o que fazer na cozinha, isso sim é problema da sua conta, velha enxerida. Gritava.
- Sim Senhora. Saía correndo dali.
- Bom Dia, Que Urina é essa Lav? Molly descia as escadas.
- Urina? A que você provavelmente deve ter tomado, pra falar tanta besteira. - Isso é uma Urna.
- Aiiii, que Express de Manhã. Se espreguiçava no primeiro degrau da escada.
- Você, sua burrice, essa sua cara de Anta que cruzou com bicho preguiça, tudo contribui. Se aproximava dela.
- Tá chega, onde você vai deixar isso? Vai largar o defunto aqui na sala? Olhava diretamente nos olhos dela.
- Lógico que não, ele não merece. E mesmo que merecesse, isso aqui não é mausoléu. Gargalhava.
- O que você vai fazer?
- Vem. Puxava Molly até o banheiro.
- Você não vai....

- Isso é o que você merece velho cretino, velho porco, Pé na cova. Lavínia jogava as cinzas de seu Pai no vaso, e dava descarga rapidamente. - Agora vá colocar uma roupa bem Sexy Molly, vamos fazer uma visitinha. Gargalhava.....

- Patrick honey, dormiu bem? Lilly o via se aproximar da mesa de café da manhã.
- Sim meu amor. Dava um beijo de bom dia nela.
- Então,tem novidades do caso da família Vanderbill?
- Sim,Encontraram um fio de cabelo preso na blusa da vítima. Se sentava na mesa.
- Da Amy?
- Sim.
- E o que mais?Já sabe de quem é este cabelo?
- Ao que tudo indica, é da Brittany.
- O que? Eu conheço ela desde quando era bebe,ela não faria isso.
- Eu confio em você, mas isso pode tornar ela a suspeita número Um.
- Mas não tem nada que a ligue com a Amy, Elas nem tinham contato com a coitada.
- Mas a justiça não quer saber da verdade, ela só quer um culpado.
- Ela jamais faria isso, Bri pode ser meio doida, mas assassina jamais.
- Se você diz, eu confio. Vamos torcer para não aparecer mais nada.
- Essa é boa, Bri, uma suspeita.
......


- Nem acredito que semana que vem vou estar pisando no Campus De East St. Louise.
- Não vai ter graça alguma sem mim. Bri fazia bico.
- Tem a Ash ué. Nick gargalhava.
- Falando em Ash. Olhava para a porta. - Ai, alguém me segura, Sangue de Jhesus Tem poder.
- Bri !!!! Nick gargalhava.
- Ai que homem, vem cá que eu te quero gostoso. Bri gritava e Jensen olhava todo vermelho.
- Gente, Bri !!! Nick se debruçava na mesa, começando a gargalhar.
- Hey. Bri era toda espalhafatosa enquanto Jensen passava pela mesa delas.
- Hi. Respondia constrangido.
- Ai que homem,que bunda, que coxas, que.... Engolia seco. - Que calor. Se abanava toda.
- Bri, você tem que parar de ser foguenta. Nick dizia rindo da cena.
- Ué,é minha natureza humana.
- Uhun sei. Nick debochava
- Hey Ash, aqui. Bri acenava para a amiga que acabava de chegar.
- Uau. Jensen dizia enquanto ela caminhava.
- Hi. Ash gesticulava ao passar perto da mesa dele, que ficava duas a frente da sua.
- Ash, você viu quem está aqui?
- Não, quem? Colocava sua bolsa na cadeira.
- O Jensen Hot Gostoso . Bri não se continha mesmo. Era o fogo que começava cof cof ...
- Nem percebi. Ela se virava para o lado e voltava a rir para ele.
- Eu quero beijar você. Jensen gesticulava.



Look Ash - Look Bri - Look Nick  - Look Jensen 
.....

- Dona Lavínia . Karl batia na porta do quarto dela. -Telefone.
- Ai que inferno. Abria a porta - Quem é?
- Da delegacia.
- Inferno. pegava o telefone com aquela cara. - Só por que eu estava de saída. Alô?
- Senhorita Lavínia, aqui é da delegacia,estou ligando para remarcar o seu depoimento.
- Ah sim. Pode marcar qualquer hora que eu irei. Quero colaborar o máximo possível com a justiça. Tentava não rir.
- Isso é gentil de sua parte, pode ser semana que vem às 7:30 da manhã?
- Ok. Por mim está ótimo, quero resolver isso tanto quanto vocês, quero ver o culpado por esse crime na cadeia.
- Esse é nosso objetivo Senhora.
- Aprecio isso.Tenham um bom dia de serviço. Desligava o telefone. - Será que pensam que eu sou o que para acordar às 7:30 da manhã? Jogava o telefone na cama.
- Calma Lav. Molly se olhava no espelho. Estava uma perfeita Bitch, também, o que poderia esperar de Lav a arrumando?
- Até que você ficou apresentável Molly. Gargalhava. - Agora sim posso te apresentar para o Jared.
- Jared? O Gostoso? Dizia animadinha.
- O próprio. Ah, e depois, vamos dar uma clareada nesse seu cabelo.
- Geriatria da sua parte. Sorria.
- É gentil Molly. A puxava pelo braço. - Vamos logo, antes que eu mude de ideia.
....

- Ash, não olhe agora, mas o Jensen não tira os olhos de você. Nick percebia as olhadas discretas dele.
- Deixa ele olhar,é o mais perto que vai chegar. Sorria cinicamente olhando para ele.Coitadas, as duas não sabiam o que estava se sucedendo ali.
- Por que a Ash tem essa sorte e eu não? Bri reclamava. - Olha que ela fica dando fora atrás de fora nele, enquanto eu estou aqui...Juntava os seios e os subia. - Linda, maravilhosa, gostosa, peituda, boa...
- Você quer mesmo que eu responda? Ash olhava seriamente para a cara dela.
- Não precisa ,essa até eu sei a resposta. Nick gargalhava.
- Ah, sacanagem isso. Que mundo injusto. Levantava os seios novamente.
- Sacanagem é o que você quer fazer Bri. Ash a provocava.
- E como quero. Ela dizia sugando o suco com o canudinho, provocantemente diga-se de passagem.
- Deixando a safadeza da Bri de lado. - Você deveria se aventurar com o Jensen, sabe, superar o Mr. Falmer.
- Você acha que é uma boa ideia? Ash o olhava.
- Bom, ele pare ser um cara educado, de família, e o jeito que ele te olha.
- O Jeito que ele me olha? Ash se interessava.
- Sabe aquele olhar de quem coloca uma pessoa em um pedestal? Ele olha para você com um Brilho no olhar. Nick o encarava.
- Ai Ash, se eu fosse você, Jensen agora estaria dormindo comigo numa cama redonda, com espelhos no teto...
- Traduzindo,num motel. Ash dizia rindo. - Eu ia dizer no seu quarto, mas a cama de lá não é redonda.
- Bri, agente aqui falando de sentimentos e você de sexo? Nick cruzava os braços.
- Ué, sexo também é sentimento, prazer, satisfação.
- Melhor eu ir ao banheiro. Ash gargalhava. - Vai começar o discurso da Sexóloga. Ash se levantava provocantemente da mesa olhando para Jensen, Claro que ele entendia o recado, e saía caminhando para o banheiro masculino. O mais impressionante era Bri e Nick não perceberem nada.

...


- Tomando café sozinho novamente, Awesome. Jared gargalhava de si mesmo. - Acho que vou colocar um espelho de frente para mim nessa mesa, assim eu posso conversar comigo mesmo. Dizia pensativo. - Jensen aproveita enquanto estou dormindo, deixa um bilhete que saiu, e eu fico aquis.... Limpava os lábios no
guardanapo. - Não, isso por que estava combinado de irmos dar uma volta na cidade, aproveitar o meu dia de folga. Se levantava da mesa ao escutar a campainha. - Quem será? Caminhava até a porta.
- Bom dia Jared. Lav abria um sorriso falso.
- Lav? Dizia meio constrangido.
- Ai Jared, não fique assim. aquele beijo... dizia se aproximando. - Não foi nada, foi só meu momento de perda.
- Que Bom Lav, fico mais tranquilo. Sorria. - Mas então, que bons ventos a trazem?
- Vim ver você e o Jensen, chamá-los para tomar café.
- O Jensen já foi. Ele tá aproveitando esses últimos dias de férias. - E eu na verdade, acabei de tomar café.
- Que pena,e você? está gostando de tudo? Entrava dentro da casa dele, puxando Molly junto.
- Sim estou.
- Nossa, lindo apartamento. Dava uma boa olhada.
- Por isso nos mudamos tão rápido.
- Hey,e eu ? Molly cutucava Lav.
- Ah, Jared, queria te apresentar minha amiga, a Molly.
- Prazer Molly. Estendia suas mãos para ela. - Jared !!!!
- Tesão,Oops, digo, Prazer. Gaguejava.
- Se vocês quiserem... Sorria. - Eu posso fazer companhia para vocês tomarem café, ainda não tirei a mesa. Apontava.
- Jared, agradeço muito mas você se importaria se eu fosse atrás do Jensen? É que eu preciso falar com ele.
- Tudo bem Lav.
- Molly fica aqui. Piscava para ela. - Eu não demoro.
- Ok.



Look Lav  - Look Molly - Look Jared 

.....


- Aquela sua amiga, ela me dá medo.
- A Bri? Ash olhava Jensen entrar no banheiro feminino pelo espelho.
- É, ela deu um grito quando entrei aqui... Se aproximava dela.
- Bri é meio... Dizia pensativa. - É meio Bri. Gargalhava.
- Você fica linda sorrindo. A olhava nos olhos.
- Thanks. Dava um sorriso tímido.
- Não paro de pensar em você. Acariciava a face dela. - Na verdade, ontem eu fiquei feito adolescente pensando se ligava ou não para você.
- Como?
- Pensando se te chamava para Jantar, cinema, sorvete, caminhar... Dizia se aproximando ainda mais dela. - Sabe, você parece ser diferente de outras mulheres que eu já saí, você é segura de si, tem esse sorriso, esse brilho no olhar.
- Não sei o que dizer. As maçãs do rosto de Ash coravam.
- Mas eu sei. Jensen dizia prensando ela na parede do banheiro, começando um beijo, ah, e que beijo Caliente, era inexplicável a segurança que Ash sentia nos braços daquele Estranho, existia apenas um problema, parecia que algo a impedia de se entregar... Jensen sentia um desejo que por mais que a beijasse, sempre teria a vontade de beija-la mais, sim Jensen, isso é o que chamamos de atração. Ash enfiava suas mãos dentro da camisa dele, dando leves arranhões, ele por vez a prensava ainda mais na parede, intensificando os beijos, que começara a descer pelo pescoço da moça, enquanto suas mãos alisavam as coxas dela.
- Ok. Ash o afastava de si ofegante, lembrando do Henri Ash? Cuidado para não se prender de mais ao passado.
- Você tem razão,não é o local. Dizia ofegante também
- As pessoas vão desconfiar, principalmente minha demora, sua sumida. Dizia se arrumando.
- Te vejo depois? Limpava as marcas de Gloss no canto dos lábios.
- Uhun. Confirmava balançando a cabeça.
- Posso te pegar às 8? Sorria. - Jantar?
- Por mim tudo bem. Sorria de volta. - Jantar às 8 !!!
- Ok, até a noite. Jensen dizia saindo dali.

....


- Então Molly,o que você faz? Jared se sentava no sofá, fazendo sinal para Molly se sentar também.
- Eu?eu sou amiga peculiar da Lav. Sentava cruzando as pernas.
- Hã? Franzia o Cenho.
- Sabe, amiga amiga, daquelas íntimas.
- Amiga Particular? Tentava não rir.
- Isso, amiga particular, do tipo BFF !!!
- Ah sim.
- E você? O que faz? Ela dizia se aproximando dele no sofá da sala.
- Eu sou médico no hospital daqui. Jared dizia se afastando.
- Sabe o que poderia ser interessante? Ela se aproximava mais.
- Não. O que? Jared se afastava.
- Isso. Molly se jogava em cima dele. - Nossa, você tem olhos lindos. Passava as mãos na face dele.
- Molly, eu não quero ser indelicado com vocês. Retirava as mãos dela de seu rosto.
- Não precisa ser delicado fofo, eu gosto de Homem Selvagem. Se Atracava nos lábios dele rapidamente, enfiando sua língua forçadamente nos lábios dele, fazendo-o corresponder.
- Para. Jared a empurrava para longe de si.
- Oh meu amor,agora você é meu namorado,vamos ser felizes para sempre. Sorria.
- O que? Dizia assustado.

.....



- Olha quem chegou. Bri apontava Lav para Nick.
- Awesome. Nick Bufava. - Sinto saudades do tempo que ela estava Longe daqui.
- Falando de mim Piranhas? Lav passava provocando.
- Não nós compare com você quenga. Bri gargalhava.
- Não vou revidar, na verdade, tenho cosia mais interessante para fazer. Bye Bitches. Caminhava até a mesa de Jensen.
- Lav? Jensen ficava surpreso ao vê-la.
- Jensen querido. Se aproximava. - Que saudades.
- Hey. Sorria. - Como você tem passado? Se levantava, iniciando um abraço. - Jared me falou sobre o seu Pai, eu não quis ligar ... Procurava as palavras. - Deve ser tudo muito recente, seus sentimentos.
- Tudo bem Jensen, acho que tem horas na vida que temos que ser forte, eu vou sentir falta dele, sempre irei, mas eu preciso continuar. E você? Como tem passado? Dizia apertando o nariz dele.
- Vou bem, Segunda Feira começo a dar aulas no Campus daqui.

- Fico feliz por você. Sorria falsamente. - Então, eu estava pensando se talvez você quisesse jant...Lav via Ash sair do Banheiro e não pensava duas vezes ao beijar Jensen, claro que ela queria se exibir ao lado dele, mostrar que não é só ela que consegue os bons partidos da cidade.
- Que ódio. Ash dizia ao ver a cena, tentava não demonstrar reação alguma, mas por dentro estava se sentindo usada,suja. Idéias começavam a passar por sua cabeça, principalmente a de que Jensen estaria brincando com ela a mando de Lavínia.

- Ih, pelo visto ele é da laia da piranha.Bri dizia.
- Por que sempre essas mulherinhas atoas pegam esses tipos de Homens? Nick dizia pasma.
- Mundo injusto. Bri fazia bico. - Ela não merece ele, eu sou muito melhor.
- Meninas, vamos embora,não quero ter uma indigestão matinal. Ash chegava calmamente.

- Ashley. Lav afastava Jensen de si, ao escutar a voz dela.
- Cala boca sua urubu, meu nome não é capim para estar na boca de Vaca e muito menos ração para estar na boca de Cachorra. Caminhava até a Vadia.
- Calma Ash !!! Nick tinha medo de uma briga se iniciar ali.
- Nossa, quanta inveja fofa, só queria saber se você conhece o Jensen? Lav gargalhava e ao mesmo tempo se gabava, achando que Jensen fosse algum troféu, ou propriedade privada dela.
- Não,e nem me interessa conhecer. Dizia olhando fixamente para ele.
- O que está acontecendo? Jensen dizia sem reação e confuso com tudo.
- Ah, já sei,você prefere o Hen ...
- Cala essa sua boca .Ash se aproximava dela.
- Ai que medo de você. Gargalhava
- Eu disse, Cala, essa, sua, boca. Dava um forte tapa em Lav, deixando a marca de seus Cinco dedos no rosto da Piranha.
- Eu não tenho nada... Jensen ainda ficava sem reação com tudo, procurando as palavras para descrever essa situação...
- Você não deve explicações para mim. Ash dizia apontando o dedo para Jensen, deixando o local, juntamente com Bri e Nick. Lav ficava ali, morrendo de ódio do tapa, mas uma oportunidade de ser fazer de coitada, sempre é bem vinda.

....

- Molly, eu não sou seu namorado,eu nem quis te beijar. Jared se levantava do sofá.
- Eu sei que você quis. Mordia a ponta do dedo indicador.
- Molly, eu nem te conheço, nem senti atração por você....
- Olha aqui Jared. Interrompia o que ele dizia. - Eu não sou dessas que se beija e depois se descarta não.
- Não Molly,não me entenda mal. Dizia constrangido.
- Jared,ou você namora comigo,ou eu conto o seu segredinho.
- Que segredo?Eu não tenho segredo algum. Tentava manter a calma.
- Tem certeza? Por que eu ouvi boates por ai.
- É boatos.
- Tanto faz, mas eu ouvi Boatos que você pegou a namorada do seu amigo, o Jenson.
- É Jensen, e até onde onde eu sei, ele não tem namorada alguma.
- A Lav. Você beijou ela dias atrás. Você se aproveitou da Inocência dela, assim como está aproveitando da minha.
- Ela que me agarrou. E o Jensen nem é namorado dela.
- Well, talvez não seja namorada dele,mas eu tenho esse segredinho também. Molly levantava do sofá caminhando até ele, se aproximando lentamento do ouvido dele, falando algo.
- OMG!!!!!!!!!!!!! Como você sabe disso? Jared dizia espantado.
- Bom,eu fiz o meu dever de casa,Meu Namorado.
- Sua doente. Jared Gritava.
- Ah, não magoe meus sentimentos querido. Me dá um beijo. Fazia bico.
- Não.
- Tem certeza? Olha que eu sei guardar segredos quando quero. Olhava nos olhos dele. - Bom, se você não quer que eu guarde, Pegava sua bolsa no sofá. - Vou a Polícia. Caminha até a porta.
- Espera. Dizia pensativo. - Tudo bem. Se aproximava dela iniciando um beijo. É,Bem que dizem,se você vive com patos,acaba grasnando como um. Lav te ensinou tudo direitinho não é Mesmo Molly Mollyart?

....


- Lavínia, o que foi isso? Jensen se sentava na mesa.
- Me desculpe Jensen, é que, eu tenho pensado em você nesses últimos dias, a verdade é que, desde aquele nosso beijo, eu penso em você. Se sentava de frente para ele.
- Mas,como vou dizer isso.Errrr.
- Jensen, podemos ter uma amizade colorida. Eu sei esperar, e te garanto que você irá gostar de mim.
- Não Lav,essas coisas não funcionam comigo.
- Jensen, larga de ser ultrapassado.
- Me diga,por que aquela moça te deu um tapa?
- Por que ela tem inveja de mim. Fazia voz de coitada.
- Como? Se interessava no assunto.
- Sim,ela é a maior vagabunda.
- Por que você diz isto?Ela parece ser uma garota legal.
- Se andar com professores para conseguir nota e passar de série é ser uma boa garota.
- Ela o que?
- Vou te contar tudo.
- Diga.
- Ela se formou no fim do ano passado,e foi descoberta no dia da formatura por manter um caso com um professor a troca de notas,ele a abandonou por que ela iria ferrar com a carreira dele,ela saiu falando para todo mundo que o Mr. Falmer a estuprou, exigindo que ela fizesse sexo com ele.
- Ela? Você tem certeza? Jensen dizia não acreditando que a Ash, aquela que ele estava há poucos minutos atrás, seria capaz de fazer isso.
- Sim,foi um escândalo na cidade toda.
- Ela não parece ser assim. Abaixava a cabeça.
- Ela é uma Piranha, já andou com quase todos os homens dessa cidade, o pai dela mesmo, morreu de desgosto, dizem que até com drogas ela mexia.
- Que triste. dizia com os olhos cheios de lágrimas. - Por que essas meninas estragam suas vidas assim?
- Por que são idiotas, e sem falar das amiguinhas dela,nenhuma presta,são todas da mesma laia.
- Mas ela parecia ter raiva de você. Por que?
- Ela é invejosa. E não aceita eu ser mais gentil,educada,legal do que ela.
- Uau.Dizia impressionado com o que Lav dissera. - Como Ash seria capaz de fazer isso? Jensen pensava. É,Parece que o mundo dele ficou meio abalado.

....

- Ash, que tapa foi aquele? Bri gargalhava.
- Não foi nada perto do que eu queria fazer, que ódio dela. Descia rapidamente as escadas do estacionamento do Apples Grill.
- Então quer dizer que o Jensen Gostoso Hot é Namorado da Jararaca? Bri dizia pensativa.
- As vezes são só amigos, uma amizade meio colorida. Nick dizia otimista.
- Com a Vagabunda lá se jogando em cima dele daquele jeito? Estavam mais para namorados, amantes, ficantes, qualquer coisa que envolva algo mais "Sério". Bri Gargalhava.
- Ai, que se dane os dois, devem se merecer. Ash tentava disfarçar a raiva que estava sentindo.
- Ainda bem que você não se envolveu com ele. Nick via o "Lado Bom" da situação, Pena que ela sabia que Ash já estava mais do que envolvida.
- É,ainda bem que eu não quis nada com o brinquedinho da Puta De Terreiro De Macumba. Ash dizia quase chorando.
- Bom, querem saber. Bri dizia pensativa. - Vamos esquecer esse clima e ir para minha casa.
- Ok. Ash destravava o seu carro.
- Eu estou pensando. Nick dizia entrando no carro.
- No que? Bri sentava no banco de trás, aproveitando para se ver no espelho do retrovisor.
- Será que ele queria apenas brincar com a Ash a mando da Lavínia?
- Eu não sei Nick. Ash deixava algumas lágrimas cair em sua face. - Eu não sei.
Share this article :

4 comentários:

  1. Nossa amei esse Capítulo, como sempre ótimo.

    Gente essa Lav oh mulher ruim, ela não se cansa de tanta maldade não?

    Ash e Jensen juntos tava tão fofo, mas essa vaca estragou com tudo.ódio dela

    Bri Gente, é impossível mesmo não rir das coisas que ela fala.

    Molly, que vadiazinha, ela sabe o segredo do Jay? eita que agora ferrou.

    Cabelo de Bri junto do corpo de Amy? ihhh nada bom.

    Apesar de já começando a odiar a Molly, as cosias que ela fala, dou risadas.

    Esperando já o próximo Capítulo.

    Fabi

    ResponderExcluir
  2. Aeeeeeeeeeee, super adorei a Fic ser postada aqui no Blog. Se sua preocupação era com os players travar Laura, aqui deu tudo certo. :D

    Muito lindo Ash e Jensen nesse climinha de início de Romance, adoro muito.

    "- O que eu posso dizer, eu sou uma pessoa gentil e generosa. "
    Gentil? você? estamos na Fic certa? kkkkkkkkkkkk

    "Não, deixa que eu atendo, por que essa é a minha maldita função. A fuzilava com o olhar."
    Que medo dela.

    "- Agora vá colocar uma roupa bem Sexy Molly, "
    Já vai a Molly ficar igual Bitch, coitada.

    "- Ao que tudo indica, é da Brittany."
    Ihhh sobrou para a Bri !!!!

    "- Ai que homem, vem cá que eu te quero gostoso. Bri gritava e Jensen olhava todo vermelho."
    Gente de Deus, ela é muito doida. kkkkkkkkkkkkkkkk

    "Quero colaborar o máximo possível com a justiça. Tentava não rir."
    Então fala que foi vc quem matou

    - Sacanagem é o que você quer fazer Bri. Ash a provocava."
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk,concordo.

    " Mas então, que bons ventos a trazem?"
    Bons ventos?

    "- Hey,e eu ? Molly cutucava Lav."
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    "- Tesão,Oops, digo, Prazer. Gaguejava. "
    Morri agora. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    "- Ok. Ash o afastava de si ofegante, lembrando do Henri Ash? Cuidado para não se prender de mais ao passado."
    Ash aproveita menina....

    "- Isso. Molly se jogava em cima dele. - Nossa, você tem olhos lindos. Passava as mãos na face dele."
    Olha a outra vadiando.

    "- Falando de mim Piranhas? Lav passava provocando."
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    ai essa Lav é a Pior .

    "Lav via Ash sair do Banheiro e não pensava duas vezes ao beijar Jensen, "
    Vagabunda.

    - Cala boca sua urubu, meu nome não é capim para estar na boca de Vaca e muito menos ração para estar na boca de Cachorra. Caminhava até a Vadia.
    É isso ae Ash, adorei a frase.

    "- Eu disse, Cala, essa, sua, boca. Dava um forte tapa em Lav, deixando a marca de seus Cinco dedos no rosto da Piranha."
    Bem feito, bem feito, bem feito.

    "- OMG!!!!!!!!!!!!! Como você sabe disso? Jared dizia espantado."
    Ihhhhhhhh, Molly pelo visto é uma vadia a lá Vanderbill.

    "Olha que eu sei guardar segredos quando quero. Olhava nos olhos dele. - Bom, se você não quer que eu guarde, Pegava sua bolsa no sofá. - Vou a Polícia. Caminha até a porta."
    Ixi, ela é chantagista de primeira tbm....

    "- Ela é uma Piranha, já andou com quase todos os homens dessa cidade, o pai dela mesmo, morreu de desgosto, dizem que até com drogas ela mexia."
    Nossa, em choque com o grau de maldades da Lav.

    "- Eu não sei Nick. Ash deixava algumas lágrimas cair em sua face. - Eu não sei."
    Nossa coitada, será que o Jensen vai acreditar na Lav? Bri ainda fica botando fogo. kkkkkkkkkkkkkk

    Ai como sempre adoro os Capítulos dessa Fic, muito bom. ansiosa pelo próximo.

    ResponderExcluir
  3. Bom, começei a ler a Fic semana passada, rsrsrs. E me apaixonei pela história,pelos personagens, pelas músicas, pelos Looks, de cara. É tudo tão envolvente, deixa aquele gostinho de mais e mais.

    Quero deixar os parabens pela ótima história, e nossa, sempre acontece coisas, e quando agente acha que tudo hegou no ápice, vc nos surpreende, e u adoro isso.
    Vou comentar direito apartir do proximo Capítulo. no mais, parabens, estou amando tudo dessa Fic.

    ResponderExcluir
  4. Respondendo aos comentários de vocês meninas...

    Fabi........

    Lav é má e sempre será.

    Para Bri tudo é festa, e motivos de risos de piadinhas....rsrsrs

    Molly sabe sim o segredinho do Jay...

    Capítulo ja disponível.

    JULIA.........................

    Romance de Ash será Fofo por enquanto... >.<

    Gentil? você? estamos na Fic certa? kkkkkkkkkkkk
    Está sim....kkkkkkkkk

    Já vai a Molly ficar igual Bitch, coitada.
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Ihhh sobrou para a Bri !!!!
    SOBROU SIM....

    Gente de Deus, ela é muito doida.
    E COLOCA DOIDA NISSO.

    Então fala que foi vc quem matou
    DREAM

    UM TSUNAMI NÉ, POR QUE DE BOM NÃO TEM NADA.

    Morri agora.
    RESSUSCITA

    Ash aproveita menina....
    CONCORDO

    MOLLY VAI DAR DOR DE CABEÇA PRO JAY, AH SE VAI.

    "- Falando de mim Piranhas? Lav passava provocando."
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    ai essa Lav é a Pior .
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    "Lav via Ash sair do Banheiro e não pensava duas vezes ao beijar Jensen, "
    Vagabunda.
    DA PIOR ESPÉCIE

    Ixi, ela é chantagista de primeira tbm....
    É SIM....

    Nossa, em choque com o grau de maldades da Lav.
    IHHH ELA AINDA VAI FAZER MAIS E MAIS E MAIS....

    na Lav? Bri ainda fica botando fogo. kkkkkkkkkkkkkk
    ALWAYS...KKKKKKKKKKKKKKK

    Ai como sempre adoro os Capítulos dessa Fic, muito bom. ansiosa pelo próximo.
    OBRIGADA, ESPERO QUE GOSTE DO PRÓXIMO.

    RITA ...............................

    FICO FELIZ QUE COMEÇOU A LER A FIC E GOSTOU. QUE BOM QUE ESTÁ COMENTANDO, É SEMPRE BOM LER OS COMENTS DE VOCÊS.


    OBRIGADA PELO CARINHO. :)

    ResponderExcluir

 
Support : Your Link | Your Link | Your Link
Copyright © 2013. Supernatural Family | Here's Your Family. - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger