Home » » Kill All The Secrets - Capítulo 1.24 (Season Finale) - "She's Dead"

Kill All The Secrets - Capítulo 1.24 (Season Finale) - "She's Dead"



Nome: Kill All The Secrets (Mate Todos Os Segredos).

Número de Temporadas: 3.

Capítulo: 1.23 -  "Black Widow" - (Viúva Negra).

Classificação : 18+ - Contem cenas de violência,mortes,sexo,insinuações...

Gênero : Drama,Comédia,Mistério...

Autora: Laura.

Personagens: Ashley (Principal) Brittany (Principal) Nickole (Principal) Lavínia (Vilã) Molly (Coadjuvante) Henri (Principal) Jensen (Principal ) Jared (Principal) Ben (Secundário) Chad (Coadjuvante) Lilly (Secundário) Cecy (Secundário) Rene (Secundário) Annie (Secundário) ....

Sinopse: O que acontece quando uma manipuladora resolve fazer da vida de 3 garotas um Inferno? Ashley (Ash), Brittany (Bri) e Nickole (Nick),poderiam ser o tipo de adolescentes normais,se não fosse por Lavínia (Lav),que faz de tudo para arruinar a vida dessas 3 garotas.O motivo de tanto ódio? Ninguém sabe.Mas Ash,Bri e Nick são tão inocentes assim? Ash talvez tenha tomado uma difícil decisão e acabou se apaixonando pelo seu professor.Estaria Nick Prestes a conhecer o amor da sua vida? E Bri? O que o futuro a reserva? É melhor você ler para matar todos os segredos que " Kill All The Secrets" te reserva...Poderia o amor aparecer no meio de tanta maldade? Poderia esse ambiente ser saudável para Jensen e Jared viverem uma vida tranquila?

Considerações: Quando tiver o player nas cenas serão as músicas das cenas,acho que não tem necessidade de ficar colocando toda hora "música da cena",mas como este é o primeiro capítulo tudo Ok.Ainda Sobre as músicas,quando uma cena não tiver música,aproveite a música da cena passada (Até a cena que tiver um novo player),por que eu escolho as músicas pensando nisso.
Onde estiver Look (Exemplo,Look Ashley,Look Das garotas),vocês podem clicar para visualizarem a roupa dos personagens e os Personagens. Quando estiver Casa da Ashley,carro,escola,podem clicar para visualizarem o local onde a cena ocorreu !!!!

.............................................................................................................................................................





Capítulo 1.24 (Season Finale) - "She's Dead"
"Ela Está Morta"




- Ash? Uma voz conhecida a chamava enquanto ela se virava.
- Henri? Ficava espantada ao vê-lo sair do seu antigo apartamento. - O que você faz aqui ? Dizia sem exibir reação alguma em sua face, sentindo suas pernas bambas.
- Uau, você está linda. Sorria timidamente.
- O que você faz aqui depois de quase Sete Meses ? O olhava nos olhos
- Eu voltei por você.
- Você voltou por mim ? Sorria cinicamente se aproximando dele. - Como você tem a cara de pau em dizer isso ?
- Ash, você não sabe o que aconteceu ...
- É,  você tem razão, eu não sei. Assim como você não sabe o que eu passei durante sua ausência, todos aquelas promessas feitas, todos aqueles "Eu te Amo" que você disse, pelo visto não passou de mentiras. Começava a deixar algumas lágrimas cair.
- Não, não foram...
- Henri. Olhava para baixo. - O que você fez é algo imperdoável, você fugiu, fugiu de mim, das pessoas, dos comentários delas, fugiu no momento em que eu mais precisava de você.
- Me perdoa. Deslizava suas mãos quentes pelo braço dela, até pegar em suas delicadas mãos.
- Não. Retirava suas mãos das dele. - Você não deveria ter voltado. Começava a chorar. - Você não tem o direito de me fazer reviver tudo novamente.
- Ash. Jensen abria a porta. - Achei que você já estaria lá em baixo... Abaixava o tom de voz ao perceber o clima estranho.
- Ash, eu nunca quis te machucar. Iniciava um sincero choro.
- Você foi egoísta, pensou apenas em si. Limpava as lágrimas alterando o tom de voz.
- Ash, quem é esse ? Jensen observava a cena da porta.
- Esse... Olhava para Jensen. - Foi a pessoa que brincou comigo, que fez questão de jogar meu coração no chão e partí-lo em Mil pedaços como se fosse vidro. Saía chorando dali.
- Você é o Henri? Dizia indo atrás dela.


Relembrando: Look Ash - Look Jensen - Look Henri

....



- Bom, vamos ver o que o Chad quer. Bri entrava no Grill o procurando com o olhar, não demorando muito para achá-lo  beijando outra em uma mesa aos fundos. - Chad? Se aproximava da mesa dele.
- Bri !!! Sorria cafajestemente. - Você chegou...
- Bom, vejo que você não precisa da minha companhia. Sorria.
- Me desculpe por isso. Se levantava. - Mas achei que seria legal um encontro a três.
- A é ? Sorria cinicamente.
- Não me leve a mal,mas eu não sou o tipo de cara que fica preso há uma só.
- Seu cachorro sarnento. Bri dizia dando um tapa na cara dele.
- Hey, não fica assim,tem para você também. Sorria.
- E quem disse que eu quero seu cretino? Você estava apenas me usando? Ficava indignada.
- Calma.  Se aproximava dela. - Eu não usaria essas palavras. Acariciava a face dela.
- E quais você usaria? Dizia ironicamente.
- Eu sinto atração por você. Se aproximava dos lábios dela, iniciando um beijo. - AUUUUUUUUUUU. Se afastava.
- Isso é para você aprender,idiota. Gargalhava.
- Você mordeu nos meus lábios. Gritava. - Sua maluca, está sangrando. Sentia o gosto em sua boca.
- Fica calmo fofinho,eu tomei todas as minhas vacinas,e não tenho raiva. Dizia cinicamente.
- Sua...
- Sua o que? Bri dizia puxando o topete dele.
- Você é maluca.
- Olha que eu posso fazer igual minha amiga Ash e te dar um chute nas partes baixas.
- Desculpa.
- Assim é melhor. Saia  do Grill.

Look Bri - Look Chad

...



- Ash. A via sair do edifício. - Espera.
- O que Jensen? Se virava para trás limpando as lágrimas.
- Ele é  o Henri?
- É. Deixava lágrimas correrem por sua face.
- Uau,eu não sei o que dizer. Se aproximava iniciando um abraço.
- Nem eu. Repousava sua cabeça no ombro dele. - Nem eu...
- E o que você vai fazer agora? Perguntava com um certo receio.
- Nada. Chorava. - Ele não podia.  Desencostava sua cabeça do ombro dele, olhando-o nos olhos. - Ele não tem esse direito de voltar como se nada tivesse acontecido.
- Talvez vocês devessem conversar. A olhava nos olhos, limpando as lágrimas que ela deixava cair.
- Não, eu não quero ouvir as desculpas dele, nada justifica o que ele fez, eu fiquei um bom tempo sofrendo, pensando nele, me martirizando com memórias, pensando se ele estava bem, onde ele poderia estar, se ele estava morto...
- Ash, se acalme. A Abraçava novamente.
- Não tem como eu me acalmar Jensen, eu estou sentindo tanta coisa nesse momento que nem sei como descrever.
- Você ainda vai ir querer jantar? Dizia próximo ao ouvido dela.
- Sorry, mas a noite pra mim acabou. Escutava seu celular tocar.


S.O.S Nick, Estou em casa. Uma mensagem chegava para Ash.

- Melhor eu ir. Dava um selinho nele.
- Não quer que eu passe a noite com você? Pegava nas mãos dela.
- A Nick está precisando de Mim agora.
- Não quer que eu te leve até Ela?
- Não precisa. Fazia sinal para o Táxi que passava pela rua parar.
- Ok. Soltava a mão direita dela. - Qualquer coisa que você precisar, é só ligar que eu irei correndo.
- Thanks. Saía dali entrando no Táxi.

....



- Chad. Molly saía do banho ligando para ele. - Como foi com a Bri? Conseguiu descartar a vadia ? Molly dizia debochadamente.
- Sim. Entrava em seu carro, que estava no estacionamento do Grill. - Exatamente como combinamos.
- Por que você está falando como se tivesse um monte de abelhas na sua boca? Se sentava na cama.
- Ela me mordeu, Aquela cachorrinha selvagem.
- Sério? Molly ria descaradamente.
- E agora o que mais falta fazer?

- Senhora Lavínia. Karl descia as escadas. - Sua cama já está arrumada, e se não for pedir muito, eu estou com uma leve indisposição, e gostaria de passar a noite no quartinho de empregada.
- Ok, tenha uma péssima noite. A olhava superiormente sentada no sofá da sala. - Pode se retirar.
- Sim Senhora.
- Ah, antes que eu me esqueça, a Molly já está dormindo?
- Eu passei pelo corredor e ela estava conversando com alguém...
- Hummm. Se interessava. - Agora pode sumir com essa sua cara feia daqui. Se levantava do sofá.
- Sim Senhora, Boa Noite. Saía dali.
- Conversando com quem Molly? Subia as escadas pensativa, chegando até o corredor, vendo a porta do quarto de Molly meio aberta, decidindo escutar o teor da conversa atrás da porta.
- Bom,eu contei para a Nick que estou gravida do Jared.
- Mas esse filho é mesmo dele?
- Lógico que é,por que você acha que evitamos fazer sexo por quase um mês?
- Não sei,eu queria....
- Ai Chad, ceninha de ciumes agora não. Me poupe. Se alterava.
- Mas como que você engravidou sendo que usaram preservativos?
- Simples, o preservativo que eu usei estava furado. Gargalhava. - Eu mesma o furei com a ajuda de uma agulha.
- Você se supera.
- Eu sei. Sorria.
- E a Lav ? Como está depois de tudo?

-  Está na sala sentada no sofá, fazendo a Pobre Viúva Coitada. Debochava.
- E o vídeo? Eu achei que o Trio ia entregar para a polícia.
- Elas devem entregar o vídeo, disso eu tenho certeza, a qualquer hora a Lav será uma mulher presa, graças a mim que instalei aquela adorável câmera na sala. Se gabava. - E como eu sou a melhor amiga, com certeza  ela irá pedir para mim cuidar do dinheiro dela.
- E se o Trio não entregar o vídeo ?
- Se o trio não entregar o vídeo, eu mesma faço questão de entregar anonimamente uma cópia do original. Gargalhava.
- Então é essa Vadia que anda atrapalhando a Minha vida. Sorria falsamente. - Bom, acho que chegou a hora de partir para o meu plano de emergência. Entrava em seu quarto. - Molly Molly, você pode ter a certeza, aquilo que o Diabo dá, o Diabo tira. Pegava um celular descartável e um pequeno vidrinho colocando-os dentro de sua bolsa. - Hora do show. Saía silenciosamente dali.

Relembrando: Look Lav
...



- Então você é o Henri. Jensen dizia ao voltar para seu apartamento .
- Sim,e você é?
- Jensen. Dava um sorriso sarcástico.
- Você é amigo dela? Perguntava naturalmente.
- Não,eu sou muito mais do que isso.
- Namorado? Engolia seco exibindo um olhar de espanto.
- Yeah. Jensen dava um belo sorriso.
- Pelo visto ela seguiu em frente. Henri olhava para baixo.
- E o que você queria? Que ela ficasse esperando por alguém que talvez nunca mais apareceria?
- Então Ela te contou tudo...
- Sim,e é muita covardia da sua parte larga-la sozinha no momento em que ela mais precisou.
- Eu não a deixei por que quis, muita coisa aconteceu. Enxia os olhos de lágrimas.
- Ahan, eu sei. Jensen continuava exibindo um sorriso sarcástico.
- Melhor eu entrar, não é com você  que eu tenho que ter essa conversa.
- Você está certo,mais creio eu que ela não quer te ver na frente nem pintado de ouro. Sorria de lado.
- Quem você está achando que é? Henri se irritava.

- O namorado dela, e uma pessoa que vale mais a pena que você.
- Cala a Boca,Você não tem o direito de falar nada. Se aproximava dele.
- Por que ? Por que bem lá no fundo você sabe que é verdade?
- Eu disse para você calar a boca. Fechava o punho dando um soco na face de Jensen, que revidava prensando o Ex de Ash na parede, dando um chute no abdomen dele.
- Hey, o que é isso? Jared aparecia interrompendo o início de uma briga.
- Não é nada. Jensen o soltava da parede.
- Melhor você entrar. Jared puxava o amigo para dentro do apartamento.

Relembrando: Look Jared

...

- Ashley minha querida. A mãe de Nick abria a porta.
- Boa noite Senhora Cecy. A Nick está ?
- Pelo visto não é só ela que está chorando. Se preocupava ao ver os olhos vermelhos de Ash. - O que aconteceu ?
- Err... Eu ia jantar fora mas aconteceu algo inesperado. Limpava as lágrimas.
- Ow, não chore querida. A abraçava.
- Vou tentar. Se afastava.
- A Nick está te esperando no quarto.

Look Cecy - Quarto Nick



- Ok. Saía dali subindo as escadas. - Nick. Entrava no quarto da amiga. - O que aconteceu ? Se sentava na cama.
- O Jared e eu,terminamos. Começava um choro se sentando na cama.
- Não fica assim amiga. Ash a abraçava.
- Ele se deitou com a Molly. Interrompia o abraço. - E ela está esperando um filho dele.
- Uau, que situação. A olhava nos olhos.
- Eu sei, e o que me dói Err... Respirava fundo. - Eu gosto dele, eu gosto da companhia dele, do sorriso dele...
- Nick, você está apaixonada por ele? Dizia com um certo receio.
- Uhun. Confirmava balançando a cabeça. - Como foi difícil terminar com ele, mas eu não posso ficar no meio disso tudo, e sabe o que é pior ? Ele escondeu a gravidez dela de mim. Limpava as lágrimas com as mãos.
- Parece que este é o Mal dos homens, mentir, te fazer sofrer, esperar, e depois aparecer, como se nada tivesse acontecido...
- Ash. Nick a olhava não entendendo. - O Jensen fez alguma coisa ? - OMG, você cancelou o jantar por minha causa ? Sorry Ash, mas eu juro que não lembrei...
- Ele não fez nada, e o Jantar acabou sendo cancelado antes de você mandar o SMS.
- O que aconteceu então? Você estava tão empolgada com o Jantar.
- Err... Engolia seco. - Henri aconteceu.
- OMG!!!!!!!!!!!!!!!! Vocês brigaram por causa dele?
- Não,ele... Olhava para baixo. - Ele voltou.
- Voltou como ? De vez ? Nick se assustava.
- Eu não sei, mas acho que sim, eu estava saindo do apartamento do Jensen e dei de cara com ele.
- Uau,Definitivamente nossa vida parece um desses filmes de drama sem fim.
- De muito mal gosto. Ash Sorria, escutando o Bip de seu celular.


Há mais segredos escondidos do que você possa imaginar, estou disposta a contá-los perante Deus. Espero a presença de você na Igreja Bitch. XoXo.

- Como ? Nick Lia a mensagem junto de Ash, ambas ficando surpresas. - Quem te mandou isso ?
 - Talvez a única pessoa que seria capaz, Lav. Ash Deduzia.
- E você vai ?
- Claro que vou, e você vai vir junto. Se levantava da cama.
- Pode ser alguma armadilha...
- Agente só vai descobrir se for, além do Mais, ela não tentaria nada na Igreja.
- Aquela Igreja é enorme, e tudo é possível quando se trata dessa vadia, ela matou a própria mãe. Nick dizia pensativa.
- Eu sei, mas nós precisamos ir.
- Ok, você não quer se trocar ? Nick calçava os sapatos e pegava sua bolsa.
- Vai demorar, e ela pode muito bem mudar de ideia. Vamos.  Ash puxava a Amiga pelo braço.

Relembrando: Look Nick

....



 - Jensen, que briga foi essa? Jared fechava a porta do apartamento.
- Esse cara cheio de si, posando de bom moço. Sentava no sofá.
- Você o conhece ? De onde? Sentava na mesinha de centro, ficando de frente para o amigo.
- Eu apenas ouvi falar, já a Ash...
- Como assim ?
- Lembra do tal Henri que ela namorou tempos atrás ?
- O professor ?
- Uhun, ele é o Henri.
- Espera ai, a Ash viu Ele?
- Deu de cara com ele ao sair de casa.
- E como ela está ? Se preocupava.
- Confusa. Sorria timidamente.
- E o jantar de vocês acabou não acontecendo. Concluía.

- Você acha que ela ainda gosta dele ? Perguntava receoso.
- Não  posso te responder isso, mas ele foi o primeiro amor dela certo?
- O primeiro amor, o primeiro a dar certo...
- Sem querer ser pessimista, o primeiro amor marca a vida de todo mundo, principalmente na vida de uma mulher.
- E o que eu faço ? Tentava não chorar.
- Nada, certas coisas são inevitáveis, as vezes agente tenta fazer aquilo para proteger a pessoa, e no fim, não adianta de nada.
- Espera. Pensava. - A Nick descobriu sobre a gravidez ?
- Descobriu, e me deixou. Sorria, embora seus olhos estivessem cheio de lágrimas.
- Como ela descobriu ?
- A Molly apareceu no Grill, e fez questão de contar tudo.
- Dude, essa garota de sonsa não tem nada.
- Ela se faz de sonsa perto das pessoas, mas é um lobo em pele de cordeio.
- E você pretende deixar a Nick ir assim ?
- Como ?
- Você não vai lutar por ela ?
- Não quero ver ela sofrer Jensen, e ela tem toda razão, se esse filho for meu, será um Elo com a Molly. Abaixava a cabeça.
- Você a ama ?
- Eu Amo, eu queria dizer isso para ela, mas o jeito que ela me olhou, sabe aquele olhar de decepção? Ela poderia achar que eu disse em um momento de desespero...
-  Que dia. Sorria sarcasticamente.
- Nem me fale, e você ? vai lutar pela Ash ?
- Eu jamais vou desistir dela, esse Henri se quiser que volte para onde estava...

....





- Olá,tem alguém ai? Ash e Nick entravam na Igreja.
- HelloO. Ash dizia com um pouco assustada.
- Você escutou isso? Nick se assustava com o barulho de algo caindo no chão.
- O barulho veio lá de cima,vamos. Ash e Nick corriam até a torre.

- Até que enfim você. Se virava para trás, ficando surpresa ao ver Nick. - Vocês chegaram. Sorria.
- Você? Você é responsável por isso tudo? Nick ficava surpresa.
- Claro queridinha, a única Crazy Bitch por aqui sou eu. Gargalhava.
- Eu sabia que você não prestava sua ordinária. Ash a olhava com desprezo.
- Awww, elogios,se continuar assim eu me animo e esqueço tudo que eu tenho para dizer. Lav dava uma risada maléfica que ecoava por toda a igreja.
- O que você fez? Nick gritava
- Digamos que eu matei minha mãe querida e joguei a culpa na amiguinha de vocês. Lav começava outra risada.
- Sua doente. Nick dizia chocada.
- Você não vale nada. Ash gritava.
- Caladas,ou eu não termino de contar. Lav dizia cinicamente. - E eu matei meu paizinho querido também,aquele velho sem vergonha, ele teve a audácia de me colocar para limpar a casa, lavar a privada... Matei ele e desviei o corpo, ou melhor, fiz o túmulo dele no jardim da sua casa Ash. Continuava rindo.
- Você é maluca. Nick se aproximava da Vadia. - Se você acha que vamos levar a culpa está enganada. Gritava.
- Nós ainda temos aquele videozinho. Ash entrava nas provocações.
- Ahhhh,mas olha que pena,acho que alguém acidentalmente o apagou...
- Cínica. Nick dava um tapa na cara dela.
- Sua cadela. Retribuía o tapa.
- Nick !!!! Ash se preocupava.
- Eu estou bem. Colocava a mão onde recebeu o tapa.
- Então, acho que vocês não tem mais nenhuma prova contra mim. Gargalhava.
- E quem disse que aquele era o único? Para isso existe cópias. Ash ria da cara de Lav.

Relembrando: Igreja

....

- Bri, que surpresa. Lilly dizia ao abrir a porta de sua casa.
- Boa Noite Senhora Lilly. Sorria. - A Ash ainda está por ai ou já saiu?
- Já sim Bri, há um bom tempo.
- Ela foi Jantar em Harrisburg mesmo ?
- Ela me ligou e disse que preferiu não ir...
- E ela está onde ?
- Ela foi para a Casa da Nick.
- Ué,mas eu fui lá e a Dona Cecy disse que elas saíram apressadas.
- Devem ter ido ao Grill
- Se Grill agora tem outro nome,com uma surpresinha no meio das pernas, é pra lá que eu vou.
Pensava. - E o corpo do Harry?

- Foi levado para ser enterrado em Los Angeles já que ele é de lá.
- Nossa, que coisa mais triste desse casamento .
- Pois é Bri,você tem é que tomar cuidado, East St. Louise anda tão perigosa.
- É,  eu sei. Então,eu já vou indo para o Grill.
- Boa Noite Bri. E fala para a Ash me ligar se ela for dormir na casa sua ou da Nick.
- Ok. Bye. Saía dali.

Look Lily

 ....

- Você está Blefando. Lav dizia desconfiada.
- Vamos ver então. Ash ria descaradamente da cara dela. - Amanhã quando eu entregar o vídeo para o Patrick.
- Você não vai sua cachorrinha sarnenta. Gargalhava. - O meu maridinho também descobriu esse videozinho, e olha onde ele está uma hora dessas. Dizia cinicamente.
- Isso é uma ameaça? Nick se entrometia.
- Não Nick querida, estou apenas dizendo, uma Testemunha morta, é uma parte do jogo ganha. Gargalhava.
- Você não tem limites sua cretina. Nick dizia alterada.
- O que mais você faz? Assusta criancinhas no parque? Rouba a bolsa de velhinhas?
- Calma Ashley,eu nem te contei a melhor parte. Lav conseguia se superar no cinismo.
- What? Ainda tem mais? Nick ficava perplexa.
- Claro queridinhas,sabe o seu paizinho querido Ash?
- OMG!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Nick não acreditava no que estava prestes a acontecer.



- Foi eu quem matou ele. Gargalhava. - Uma pena, por que ele era tão quente, mas eu faço aquilo que é necessário. Fazia voz de coitada.
- Sua vagabunda,eu te odeio. Ash pulava em cima dela, jogando a vadia no chão, começando a bater a cabeça dela contra o solo.
- E tem mais, ele mantinha um caso comigo, graças a sua Safadeza no Natal com o Paul, seu Pai teve que fazer sexo comigo para eu não vazar as fotos. Gargalhava. - Como eu sou uma pessoa muito bondosa, irei te contar com detalhes como eu armei para o seu querido papai morrer. Gargalhava.

Flash Back On 

- Lavínia, eu não vou mais fazer isso, já tem quase um mês que isso vem acontecendo, a Lilly não merece isso, a Ash não merece. Braddy se levantava da cama de um hotel, vestindo sua roupa e tentando não chorar.
- Ai Braddy querido. Se enrolava com o lençol na cama. - Pare de agir como se não gostasse, eu sou linda, nova, gostosa, perfeita, tenho mais graça que aquela mulherzinha sem sal com quem você é casado.
- Nunca mais fale da Lilly desse jeito. Aumentava o tom de voz.
- Está bem Braddy meu amor.
- Você vai me dar as cópias das fotos que possui da Ash com o Paul, eu vou me mudar com minha família, e nos vamos esquecer tudo isso. Respirava fundo. -  E dessa vez você irá assinar um documento onde declarará que não possui mais nenhum material sobre minha filha. A ameaçava. - Não vou confiar na sua palavra novamente.

- Sabe qual é o problema? Eu não quero esquecer, e eu não vou deixar você fugir de mim. Se aproximava dele.
- Eu vou sair desse quarto de Hotel, e ir falar diretamente com a sua mãe, eu vou convence-la a te mandar para um hospital psiquiátrico.
- Eu irei negar tudo, direi que fui abusada. Fazia voz de coitada.
- Eu posso ir preso Lavínia, mas isso acaba hoje. Entrava no banheiro.
- Sabe que você tem razão meu querido. Dizia baixinho. - Isso acaba hoje. Se levantava da cama, prendendo o cabelo, caminhando até sua bolsa e pegando uma cartela de comprimidos tarja preta, misturando dois deles em uma garrafa de água  que estava um pouco abaixo da metade. - Braddy. O via sair do banheiro. - Estive pensando melhor, acho que você está certo, eu vou  te entregar a cópia, não quero ir para um hospício.
- Ok. Vamos ? Pegava a garrafa de água.
- Irei ficar um pouco mais, entregarei o Pen drive com as fotos originais amanhã.
- Assim espero. Saía dali.

 Flash Back Off

- E o resto é o que você já sabe, que ele estava sonolento, e acabou dormindo no volante, batendo em um outro carro que vinha em direção contrária.  Gargalhava.
- Não,isso é mentira. Ash saia de cima de Lav sem reação.
- Você não presta. Nick ajudava Ash a se levantar. - Como não descobriram as substancias no corpo dele ?
- Ai Nick, foi apenas 2 comprimidinhos. Gargalhava se levantando. - E até onde eu sei, a Lilly disse a polícia que ele andava muito inquieto ultimamente, e que o médico receitou alguns calmantes. Sorria falsamente. - Claro que eu já sabia disso, e misturei o mesmo medicamento na água.
- Você é um ser nojento, baixo, repugnante. Ash dizia chorando.
- Olha que não é isso que esta foto diz. Lav retirava o celular de sua bolsa, mostrando para Ash e Nick uma foto dela e Braddy se beijando, logo em seguida a apagando.
- Eu te odeio. Ash se aproximava furiosamente de Lav começando uma série de tapas.
- Se serve para fazer você se sentir culpada. Sorria. - Ele fez tudo para proteger a filha querida. Gargalhava.
- Cala a boca. Ash puxava fortemente o cabelo de Lav.
- Ah,ele era tão Hot,você não imagina as loucuras que nós fazíamos. Ainda gargalhava.
- Eu Mandei Você Calar essa sua boca. Ash empurrava Lav com toda a força contra a parede.

- Bri, Vem para a torre da igreja agora. Nick ligava descontrolada emocionalmente para sua amiga.
- Ok, mas o que vocês fazem ai? Achei que vocês estavam no Grill.
- Vem logo. Encerrava a ligação.
- Fine. Desligava o celular, fazendo o desvio com seu carro, indo rumo a Igreja.




- Chega Ash,minha vez. Lav a empurrava, começando a esgana-la.
- Você não vai bater nela. Nick puxava o cabelo da jararaca, fazendo Ash cair no chão, respirando ofegante.
- Me solta. Lav a jogava no chão, fazendo Nick bater a cabeça na parede, ficando desacordada. - Você me descabelou toda. Jogava os cabelos para trás. - Isso é o que você merece. Se virava para Ash, a puxando pelos cabelos, deixando-a de costas para o murinho de proteção (parapeito), tentando jogá-la lá em baixo.
- Você não vai me matar, você não vai ter esse prazer. Ash gritava, fazendo força para não se desequilibrar e cair de costas no chão.
- Claro que vou. Gargalhava. - Eu já falhei duas vezes, não irei falhar na terceira.
- Ah você vai sim. Nick acertava sua bolsa na cabeça de Lav, fazendo-a soltar Ash. - Como que você ousa sua idiota, imbecil. Gritava desorientada, parando de costas para a escada.
-Tudo bem Ash ? Abraçava a amiga. - Uhun. Balançava a cabeça chorando.
- Ai ....me me meu... Lav se abaixava lentamente, perdendo o controle de seu corpo, descendo a escadaria rolando.
- OMGGGGGGGGGGGGGGG !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Nick e Ash davam um grito que ecoava por toda igreja.
- Ela.... Ash arregalava os olhos, ficando estática.
- Ash,Nick. Por que o escândalo?  Bri aparecia lá em baixo. - OMG!!!! Gritava também. - O que a Lav faz desmaiada aqui?
- Ela caiu. Nick dizia de boca aberta.
- Ela está ... Verificava os batimentos cardíacos pelo pulso de Lav. - Morta. Dizia Sem Reação...
Share this article :

2 comentários:

  1. Gezuis, passada a ferro com o Capítulo.

    Lav matou o Braddy o.O

    Molly foi descoberta, pena que agora já era, queria que a Lav se vingasse dela.
    Sentirei falta da Vadia, pelo visto a Molly será a vilãzinha.

    Adorei a Bri mordendo no Chad, bem feito.

    Jensen e Henri brigando, já gostei. haha
    Jared e Nick partem meu coração, quero eles juntos.

    Henri ainda gosta da Ash, Ash ainda está magoada, ai com quem ela vai ficar ? Não sei pra quem torcer, Team Jensen ou Team Henri ? haha

    To é passada e com medo das cenas finais, a Lav morta, gente ainda não estou acreditando, kkkkkkkkkkkkkk. Louca agora para ler a season 2, que pelo visto, vai etar pegando fogo.

    ai ter alguma pausa, ou vai ser direto ?

    Amei o cap, os Looks, e tudo.

    ResponderExcluir
  2. Julia, peço esculpas pro as vezes não responder os comentários que vcs deixam, as eu sempre leio, é que o tempo as vezes fica escasso. Enfim,

    Vai ter Season 2 Sim, depois eu libero a descrição dela, =D
    Já semana que vem se Deus quiser estreia.
    Fico feliz por estar gostando da Fic. ^^

    ResponderExcluir

 
Support : Your Link | Your Link | Your Link
Copyright © 2013. Supernatural Family | Here's Your Family. - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger