Home » » DE FÃ PARA FÃ #4 - SEASON 01: UM PRESENTE DE ERIC PARA UMA GERAÇÃO

DE FÃ PARA FÃ #4 - SEASON 01: UM PRESENTE DE ERIC PARA UMA GERAÇÃO

Ok Hunters. Hoje é Domingo, dia do nosso quadro DE FÃ PARA FÃ. Na última edição, tivemos um bom nível de visualizações, por isso acho que devemos prestar atenção para continuar com assuntos que interessem à vocês. Entretanto, hoje falaremos sobre a Season 01.

Em uma enquete realizada há um tempo atrás, constatou-se que 75,07% dos fãs de Supernatural elegem a primeira temporada como a melhor, votando entre as cinco primeiras. Popularmente, podemos dizer que esta é a favorita pelo motivo de muitos aqueles fãs (ou posers?) que não ''gostam'' da mitologia bíblica que abrangeu Supernatural a partir da Season 04 preferirem episódios com Fantasmas e Lendas Urbanas.

Tudo bem, não julgo ninguém. Afinal, fã que é fã sabe que não importa o que acontecer, o rumo que tomar, sempre estaremos ao lado, por mais idiota que seja. No entanto, em 2005 Eric Kripke conseguiu doar um piloto de uma série de um fotógrafo que viajava o mundo em busca de fenômenos que foi rejeitado pela emissora (WB). Eric mal sabia, como cita em vários momentos, que uma história feita às pressas sobre dois garotos em busca do pai que está atrás de algo que matou sua esposa faria tanto sucesso e traria à tona uma legião de fãs que o mundo inteiro respeita atualmente: HUNTERS.

Sim, a Warner aceitou o roteiro e foram produzi-lo inicialmente - dizem que o piloto fora gravado em menos de duas semanas - ao lado é claro, de dois atores poucos conhecidos, uns tais de Jared Padalecki e Jensen Ackles, que mal sabiam que hoje, seriam um fenômeno. E por aí vai.

Eric Kripke conseguiu nos conquistar logo na entrada, com uma história bem amarrada, uma cena inicial suspeita e nada de drogas, bebidas ou sexo para tocar um seriado - Apenas uma boa história, um roteiro bom, um fantasma e é claro, um belo de um Chevy Impala 67.

Dizemos que é um western americano moderno - dois pistoleiros que chegam à cidade, lutam contra os maus, beijam a moça e vão-se embora com o pôr-do-sol. E sempre dissemos, desde o princípio que, se íamos ter cowboys, tínhamos de lhes dar um cavalo confiável.
Logo após o caso da Mulher de branco, fomos levados àquela sensação angustiante da morte de Jessica, que nos deixou apreensivos levando em consideração o sofrimento que Sam estava determinado à sofrer. Muitos não entenderam a moral de Dean ter voltado ao quarto de Sam quando Jess pegou fogo, se ele já havia ido embora. Em uma cena deletada do Piloto, Dean dirigia o Impala quando um mau contato no rádio do carro o fazia, por intuição voltar, e não pura sorte.

Temos trabalho à fazer.
Depois dessa frase fomos finalmente levados por uma paixão impregnante - Um vício chamado Winchester. Não tínhamos como não nos convencer que Supernatural era a melhor série do mundo.Tivemos lendas que houvíamos desde a pré-escola, como Bloody Mary, Homem-Gancho, O Espantalho tratados de maneira adulta e específica, o que nos trouxe algo incomparável. Óbvio que ainda nem tivemos tempo para citar o acompanhamento da TRILHA SONORA.

Foi assim, passando os episódios, nos deixando cada vez mais tensos, até de cara, sermos levados ao episódio 1x09 ''HOME (VOLTA AO LAR)'' onde vemos John e como ele está programando algo para os filhos. Cena emocionante, para ser sincero.

Ainda então, tivemos o caso no Asilo, a Stryga do ''Something Wicked'', a menina-fantasma de ''Provenance'', o caminhão do ''Route 666'', o tenebroso Ceifador de ''Faith'' e é claro, fomos apresentados à Meg e o tio Azazel.

Destacamos Shadow, quando vemos o reencontro angustiante de John com os filhos, e a emoção que Jeffrey conseguiu passar ao lado de Jared e Jensen. Atores que deveriam ser mais notados do que são atualmente. E foi assim que trilhamos uma história emocionante e épica. Tivemos até a primeira cena de exorcismo na casa do Bobby, lembram?

E após tanta beleza, os Hunters foram se mostrando apaixonados por uma história simples, mas bem amarrada, de uma série que nem muito apoio recebeu, mas conseguiu conquistar a tantos. A história dos Winchester então é pausada por um acidente de carro, que nos deixou apreensivos - Naquele momento vimos que nosso amor pela série era tanto, que nada podia acabar, estávamos prontos para uma vida inteira, para uma jornada única e eternamente gratificante. E é aqui que tudo realmente começou.

E então Hunters, espero que tenham gostado. Lembrando, sempre estou expressando meu lado de fã da série, então, se exagerar em algum sentido, não liguem. Hiahuiahi. Mas enfim, se quiserem sugerir algo para o próximo Domingo, mandem pro meu TWITTER!
Share this article :

0 comentários:

Postar um comentário

 
Support : Your Link | Your Link | Your Link
Copyright © 2013. Supernatural Family | Here's Your Family. - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger